16.4 C
Viçosa
domingo, 29 novembro, 2020

Fim das Barreiras sanitárias em Viçosa e o rodízio de CPF, depois de muita insatisfação e pressão dos empresários locais e a população.

Barreiras sanitárias em Viçosa e o rodízio de CPF caem depois de muita insatisfação e pressão dos empresários locais e a população.

O Minas Consciente, plano do governo estadual, foi aderido por Viçosa e começa a valer a partir do dia 11.

Segundo uma matéria publicada e retirada do ar, em um jornal “on line”  da cidade, onde a Prefeitura anunciava o fim das barreiras sanitárias para o dia 15 de setembro, porém, emocionado, o Prefeito Ângelo Chequer, declarou na noite desta quinta-feira, 10, o fim das barreiras sanitárias a partir da zero hora de amanhã e também do rodízio de CPF’s em Viçosa.

As medidas de bloqueio, estavam em vigor desde a segunda quinzena de março e do fim do mês de abril respectivamente. As duas medidas de bloqueio continuaram, mesmo com as críticas por parte da população e do empresariado local, que sofre as consequências no bolso.

De acordo com o Secretário de Saúde de Viçosa, Marcus Schittini, “essas medidas permitiram melhorar o rastreio da doença na cidade e foram eficazes na estabilização da propagação do COVID-19”. Mas, o fato é que a decisão vem logo após embates entre o empresariado e a prefeitura municipal, que tem o amparo do Comitê de Enfrentamento formado por médicos e especialistas das universidades da cidade, que determinaram os rigores dos procedimentos adotados no controle da contaminação do Covid 19,  sendo que, na discussão sobre o rodízio de CPF’s foi criado uma petição contra, onde a classe empresarial da cidade mobilizou mais de 3 mil pessoas clamando pelo fim das medidas arbitrárias tomadas pela prefeitura.

Retomada econômica e vida social

A decisão tomada pela Prefeitura, acata as medidas impostas pelo Governo de Minas, o chamado Minas Consciente. A proposta, criada pelo Governo de Minas Gerais, por meio das secretarias de Desenvolvimento Econômico (Sede) e de Saúde (SES-MG), sugere a retomada gradual de comércio, serviços e outros setores, tendo em vista a necessidade de levar a sociedade, gradualmente, à normalidade, por meio de adoção de um sistema de critérios e protocolos sanitários, que garantam a segurança da população.

Todas as medidas de prevenção e contenção a pandemia continuam, porém tudo o que for de caráter econômico fica regido pelas decisões que o Governo do Estado tomar para cada região do Minas Consciente.

Viçosa no Minas Consciente

A microrregião, na qual Viçosa está localizada, foi classificada como verde na tabela do programa, sendo assim os serviços não essenciais com alto risco de contagio pelo novo corona vírus como cinemas, bares, restaurantes e casas de festas tem permissão para funcionamento. Na microrregião, os municípios de Araponga, Canaã, Paula Cândido e Teixeiras foram os primeiros a aderir ao Minas Consciente. A partir dessa sexta-feira, 11, Viçosa estará oficialmente dentro do programa estadual.

A situação de Viçosa com relação a contaminação e a política

Uma vez que o número de contaminados também é considerado baixo, a decisão pode ser definida como certa, a pesar do receio do prefeito que mostrou ter ressentimento com a classe empresarial, que criticou o alto custo das barreiras, em torno de 40 mil reais gastos por dia, e várias vezes com denúncias, foram feitas com relação ao comportamento dos contratados para atuar neste serviço, de inspeção de documentação, de medição da temperatura das pessoas e segurança.

Segundo a nota, estas pessoas serão remanejadas para outras ações, uma vez que o contrato com os terceirizados vai até o final do ano. Fato que pode gerar mais críticas, devido ao ano eleitoral, porque cria relações trabalhistas entre a máquina pública e muitas famílias durante o momento político.

barreira sanitaria vicosa mg
fim das barreiras sanitarias em vicosa mg

Como funciona o Minas Consciente?

O plano setoriza as atividades econômicas em três “ondas”:

  • Onda Vermelha – 1ª fase (Serviços essenciais)
  • Onda Amarela – 2ª fase (Serviços não essenciais)
  • Onda Verde – 3ª fase (Serviços não essenciais com alto risco de contágio)

As ondas foram criadas através de dados estaduais e serão liberadas para funcionamento de forma progressiva, conforme indicadores de capacidade assistencial e de propagação da doença, avaliando o cenário de cada região do estado e a taxa de evolução da Covid-19. As ondas possuem uma lógica gradual e sequencial de abertura e são analisados, pela Secretaria de Estado de Saúde, os dados por macrorregião e microrregião de saúde.

Os indicadores usados nas avaliações semanais do conselho técnico do Governo de Minassão:

  • Taxa de Incidência Covid-19;
  • Taxa de Ocupação de leitos UTI Adulto;
  • Taxa de Ocupação por Covid-19;
  • Leitos por 100 mil habitantes;
  • Positividade atual RT-PCR;
  • % de aumento da incidência;
  • % de aumento da positividade dos exames PCR.

A regressão de qualquer região pode acontecer a qualquer momento, desde que os dados analisados pela Secretaria de Estado de Saúde apresentem risco à saúde dos mineiros e mineiras. 

Relacionados

Bike Bier – Onde o tema ganha cor e sabor

Inovação e empreendedorismo em tempos de pandemia Com uma experiência de 20 anos fazendo drinks coloridos e encantadores para...

A curiosa “Bike Remo”

Para quem não conhece basta uma apresentação, Gian Barreto. Ele vem de uma família de inventores especialistas em aventuras e pessoas maravilhosas...

Chuva e estragos em Viçosa, até quando?

O Verão ainda não chegou, mas Viçosa já teve um gostinho de replay das chuvas que arrasaram a cidade e o estado...
- Publicidade -

Popular

Bike Bier – Onde o tema ganha cor e sabor

Inovação e empreendedorismo em tempos de pandemia Com uma experiência de 20 anos fazendo drinks coloridos e encantadores para...

A curiosa “Bike Remo”

Para quem não conhece basta uma apresentação, Gian Barreto. Ele vem de uma família de inventores especialistas em aventuras e pessoas maravilhosas...

Chuva e estragos em Viçosa, até quando?

O Verão ainda não chegou, mas Viçosa já teve um gostinho de replay das chuvas que arrasaram a cidade e o estado...

Gatas e clipadas

Na foto: As Clipadas estreando o novo uniforme mostrando a força do ciclismo feminino em Viçosa e região. Com...

Setor público gasta R$ 3,83 per capita por dia com saúde, diz CFM

Um levantamento feito pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), em parceria com a organização não governamental Contas Abertas, mostra que o setor...
- Publicidade-